ENERGIA SOLAR: RESUMO DO POTENCIAL ENERGÉTICO DO BRASIL

ENERGIA SOLAR: RESUMO DO POTENCIAL ENERGÉTICO DO BRASIL

A energia solar está presente em nossas vidas de várias maneiras, incluindo a própria evolução da vida no nosso planeta. Em termos energéticos, quase todas as outras fontes de energia, como a biomassa, a eólica, etc, possuem a influência, mesmo que indireta, da energia solar no seu mecanismo de atuação. Desse modo, nas últimas décadas, a tendência em se aproveitar a energia solar para gerar energia tem crescido de forma exponencial ao redor do mundo, visto que os benefícios da energia gratuita se aliam a necessidade da utilização de fontes renováveis e da redução de custos de modo sustentável.

No Brasil, a incidência de radiação solar colocar o país a frente nesta corrida, pois apresenta condições favoráveis para o desenvolvimento devido à vários fatores como as condições climáticas, extensão territorial, características da matriz energética nacional, entre outros fatores. Um dos fatores importantes que colocam o Brasil na linha de frente nesse setor é devido à inclinação do eixo imaginário da Terra, que faz com que a maior parte do território brasileiro esteja localizado próximo à linha do Equador, de forma que não se observam grandes variações nas características de insolação e radiação.

Sabe-se ainda que os valores de irradiação solar incidente em qualquer região do Brasil são bem maiores do que os da maioria dos países Europeus (como Alemanha, França e Espanha), onde os projetos de energia solar são amplamente difundidos e implementados. Segundo dados do portal solargis.com, os maiores níveis de incidência solar na Alemanha correspondem praticamente aos menores níveis de radiação no Brasil, como mostrado nos mapas a seguir:

Solargis-Brazil-GHISolargis-Germany-GHI

Observando os mapas, é fácil verificar que a região menos ensolarada do Brasil apresenta índices solares em torno de 1640 kWh/m², enquanto que os maiores valores apresentados na área de maior incidência solar da Alemanha recebem cerca de 1300
kWh/m² .

Além de ser privilegiado pela abundante radiação solar, onde o sol aparece em média 280 dias por ano, o Brasil ainda possui outro fator de extrema importância para este setor: nosso país possui uma das maiores reservas de silício no mundo, material utilizado na fabricação de painéis solares.

É válido ainda lembrar que o uso de sistemas fotovoltaicos podem proporcionar vários benefícios, dentre eles estão:

  • Custos de transmissão e distribuição reduzidos pela instalação de sistemas nas proximidades do local de consumo final;
  • Aumento da confiabilidade do suprimento de eletricidade pela geração descentralizada;
  • Incentivo a utilização de tecnologias de redes e sistemas de medição de alta tecnologia que possibilitam a introdução de instalações com maior eficiência energética e possibilidade de controle no fluxo da energia;
  • Viabilização de vetores de desenvolvimento regional;
  • Geração de empregos de qualidade por unidade de energia transformada.

Diante de tantas vantagens, a GreenBras quer fazer parte de uma geração que vai ajudar o Brasil a se posicionar entre os primeiros países no uso de energia renovável e limpa, difundindo as tecnologias e ajudando o consumidor a ter um sistema sustentável que lhe entregue energia limpa de forma gratuita.

Venha para esse time, invista agora mesmo em energia solar com a GreenBras!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *